Carlos Silva, presidente da câmara de Sernancelhe, é o mandatário de Rui Rio para o distrito de Viseu

0
1605

A notícia é da plataforma digital Rua Direita. Refere que Carlos Silva Santiago é o mandatário para o distrito de Viseu do candidato à liderança do PSD, Rui Rio.

Eis o teor integral da notícia publicada pela Rua Direita:

«Carlos Silva Santiago, presidente da Câmara de Sernancelhe, presidente da Comunidade Intermunicipal do Douro e vice-presidente da Distrital do PSD é o mandatário para o distrito de Viseu do candidato à presidência do partido, Rui Rio, ex-presidente da Câmara do Porto.

Até ao momento há dois candidatos, Rui Rio e Pedro Santana Lopes, duas personalidades bem distintas, duas formas muito diferentes de encarar a política partidária.

Se Rui Rio tem referido com frequência “o PPD de Sá Carneiro” como matriz ideológica, mais tem declarado sobre o PSD: “É um partido do centro, que vai do centro-direita ao centro-esquerda. Não é um partido de direita, tal como alguns o têm tentado caracterizar. Não é, nem nunca será”.

Pedro Santana Lopes afirmou em jeito de auto-retrato: “Não me considero de direita. Não sou de direita pura, sou de centro-direita.”

No discurso da apresentação da candidatura, Rui Rio disse ainda: “O país não se pode deixar hipnotizar por uma conjuntura económica que, por contrastar, pela positiva, com a profunda crise que recentemente atravessámos, tende a nos iludir quanto ao futuro. Mais do que gerir o presente ou lamentar o passado, Portugal tem de se preparar para o futuro”.

Por seu turno, para Santana Lopes “o bloco do centro-direita tem que reforçar os termos e os níveis dos seus entendimentos”, numa apologia do PSD/CDS-PP.

Se para Rui Rio “O PSD é um partido de poder, não é muleta do poder”, para Santana Lopes só há uma intenção: “Naturalmente candidato-me para levar o PPD/PSD a disputar as eleições legislativas de 2019 e para as ganhar. Não penso no segundo lugar, mas penso no primeiro.”

Questionado sobre o que o diferenciava de Santana Lopes, Rui Rio declarou:

“Somos diferentes, sou mais estável, quer no discurso quer ao longo da minha vida. Cumpro mandatos até ao fim de uma forma particularmente rígida, como se sabe. Santana Lopes já foi cinco vezes candidato a líder do PSD”. E ao Expresso referiu ainda que Pedro Santana Lopes é uma “quarta escolha”, depois de frustradas as candidaturas de Pedro Passos Coelho, Luís Montenegro e Paulo Rangel.

Ao que apurámos, até ao momento, os presidentes de câmara do distrito de Viseu a apoiar Pedro Santana Lopes são o de Penedono, Carlos Esteves, o de Viseu, Almeida Henriques (mandatário nacional) e o de Vouzela, Rui Ladeira. Pedro Alves, deputado e presidente da distrital apoia Rui Rio.»

Créditos: Rua Direita

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.