Armamar | Mulher de 37 anos é suspeita de crime de incêndio florestal por “motivos passionais”

0
279

O Comando Territorial de Viseu da GNR, através do Núcleo de Proteção Ambiental de Lamego, ontem, dia 8 de agosto, “identificou uma mulher com 37 anos, pela suspeita de ter praticado o crime de incêndio florestal, em Armamar”.

“Após a realização de diligências relativas a um incêndio ocorrido a 4 de agosto, foi possível identificar a sua autora, concluindo-se que na origem do mesmo estiveram motivos passionais. A mesma pretendeu destruir um pomar do proprietário com quem mantinha uma relação extraconjugal, tendo ardido uma área de 100 m2”, refere o comunicado da GNR hoje distribuído á comunicação social.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.