[Cinema] Capitão Marvel (2019)

0
364

Captain Marvel (2019), de Anna Boden e Ryan Fleck
por: José Pedro Pinto*

“Não sei nada das pessoas que estavam à minha volta, mas durante duas horas senti que partilhámos alguma coisa”

A máquina Marvel continua bem oleada, com o seu primeiro filme protagonizado por uma super-heroína a estrear no dia antes do Dia da Mulher, e o quarto Vingadores agendado já para daqui a mês e meio. Capitão Marvel pega nos instantes finais de Vingadores: Guerra do Infinito (2018) e expande as questões levantadas a um filme de 132 minutos, que passa num instante e deixa pena de não se poder ver o próximo da saga logo de seguida.

É um sucesso que a Marvel consiga continuar a ligar filmes (já vai em 21) e séries televisivas desde 2008 até hoje (e com mais agendados para os anos 20), e que cada um mantenha a capacidade de entreter e espantar por si, mesmo a quem não conhece a história geral. E para quem conhece, é ainda melhor poder entender relações entre umas personagens, conhecer histórias de origem de outras, e até rir com punchlines que vêm com uns dez anos de preparação (como o porquê de Nick Fury usar uma pala).

Vi o filme num sábado à noite numa sala esgotada, e as reações das pessoas na audiência são claras: muitas conheciam os filmes anteriores, sabiam o que estava em causa neste em relação à história global do Universo Marvel, reconhecem personagens que vêm de outros filmes, sabem que podem esperar por outras personagens da banda desenhada que ainda nem apareceram nos filmes, e sabiam que quando chegasse ao fim não se deviam levantar porque haveria uma cena após os créditos que ligaria este filme aos outros. Não sei nada das pessoas que estavam à minha volta, mas durante duas horas senti que partilhámos alguma coisa. ****

*Artigo originalmente publicado na edição de 15 de Março do Jornal do Centro.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.