Feira do queijo de Penalva do Castelo: Muito queijo e bom queijo.

0
892
Ministro Pedro Marques, presidente da câmara e da assembleia e diretor regional de agricultura.

Com a feira de Penalva do Castelo está aberta oficialmente a época das feiras do queijo Serra da Estrela que têm lugar nos vários concelhos que integram a região demarcada de produção deste tão saboroso e genuíno queijo. Em Penalva o preço do queijo certificado situou-se nos 17€/kg.

Em Penalva, neste sábado, dia 9 de fevereiro, o pontapé de saída foi dado com um dia de sol e com a presença e inúmeros convidados a começar pelo ministro Pedro Marques que veio, este ano, inaugurar este certame.

Mas na génese da festa estão essencialmente “os pastores e produtores de queijo”, como gosta de dizer o presidente da câmara de Penalva do Castelo, o anfitrião deste certame, que tem sempre muita afluência de público que quer constatar in loco a qualidade do queijo da serra.

Este aspeto também não passou despercebido a Pedro Marques, que quis enfatizar o árduo trabalho dos pastores e dos produtores até o queijo chegar à nossa mesa, não se esquecendo de os saudar de uma forma especial e de dizer que, sobretudo por isso, era um enorme prazer estar em Penalva do Castelo, onde já tinha vindo enquanto governante na área da segurança social.

Mas Francisco Carvalho, tendo ao seu lado o ministro das Infraestruturas, e prevalecendo-se dessa prerrogativa, não deixou de lhe lançar o repto da conclusão da variante à vila de Penalva.

Pedro Marques não escamoteou o assunto, mas não foi conclusivo. Deixou claro que houve alguns apoios do OE para acessibilidades a parques empresariais, como foi o caso da ligação de Mundão ao Sátão, e quanto a este referiu que teria que ser nesse âmbito que o enquadramento deveria ser feito, uma vez que esta variante liga ao parque empresarial entre Esmolfe e Sezures.

Também de registar, foi a presença de Dom António Luciano, o bispo de Viseu, também ele um homem desta região serrana, do maciço central português, da Serra da Estrela. Uma presença que o presidente da câmara enfatizou, pois ter o bispo na feira e festa do queijo “é muito importante para o concelho de Penalva do Castelo”.

E as palavras de dom António Luciano também não divergiram das demais, com a vantagem de ser ele um homem nascido no distrito da Guarda, em Corgas, no concelho de Seia. Foram exatamente no sentido de vincar o trabalho diário e difícil dos homens e mulheres em torno do queijo Serra da Estrela.

A feira do queijo de 2019 prosseguiu durante a tarde, com a Rosinha a animar a festa, e amanhã, dia 10, será a vez de Quim Barreiros subir ao palco.

Para memória futura fica o facto de o preço médio do queijo certificado se ter situado nos 17 euros o quilo.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.