Grupo Amorim arranca já este ano de 2018 com a vindima na Taboadela

0
1511
(Foto: Dão e Demo)

O Grupo Amorim, o novo proprietário da Quinta da Taboadela, localizada em Silvã de Cima, no concelho de Sátão, acabou de revelar através de nota de imprensa que “este ano [2018] arrancará a vindima em modo experimental, testando o potencial das uvas da propriedade e em 2019 serão partilhados com o mercado alguns ensaios elaborados pelos enólogos” do grupo.

Como Dão e Demo havia noticiado, o Grupo Amorim é o novo proprietário da Quinta da Taboadela, uma quinta com 50 hectares, 40 dos quais de vinha, situada a uma cota de 520 metros de altitude, em Silvã de Cima, junto à ribeira das Fontainhas, afluente do rio Coja, que por sua vez é afluente do Dão.

O Grupo Amorim vem agora revelar através de nota de imprensa que já este ano de 2018 arrancará com a vindima na Quinta, em modo experimental, e que “o lançamento do projeto com uma adega nova está previsto para 2020.

Luísa Amorim, a responsável por este investimento, destaca que o Dão é para o grupo “uma das regiões mais emblemáticas e promissoras do país, berço de grandes vinhos de perfil clássico e de grande longevidade”. E acrescenta ainda que o Dão “é um terroir histórico e único que não só demonstra todo o potencial da Touriga Nacional e do Encruzado mas também das castas tradicionais portuguesas”.

Refira-se que o Grupo Amorim está quase há 20 anos no setor dos vinhos e estende agora, com esta aquisição, o seu portfólio do Douro até ao Dão. No Douro o Grupo Amorim detém a Quinta Nova Nossa Senhora do Carmo, com 120 hectares de vinha, no concelho de Sabrosa, na margem direita do rio Douro, mesmo em frente à foz do rio Távora. É uma quinta situada na sub-região do Cima-Corgo, em solo xistoso, com uma adega que vem do século XVIII. Na quinta foi igualmente desenvolvido o enoturismo com a Luxury Winery House com 11 quartos que permitem aos amantes do vinho desfrutar a paisagem envolvente, classificado pela Unesco.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.