Japoneses estiveram em Sernancelhe, a terra do jesuíta João Rodrigues

0
436
(Foto: CMSernancelhe)

No dia 4 de março, uma comitiva de japoneses visitou alguns locais do concelho de Sernancelhe, nomeadamente aqueles que estão mais diretamente ligados ao Padre João Rodrigues, missionário jesuíta do século XVI natural de Sernancelhe, que aos 14 anos rumou ao Japão, e o seu conhecimento aprofundado da língua japonesa fez com que exercesse as funções de intérprete, comerciante, diplomata e político, tendo elaborado a primeira gramática de língua japonesa e o primeiro dicionário de Japonês/Português.

A comitiva foi liderada pelo professor Masayuki TOYOSHIMA do Departamento de Literatura Japonesa da Faculdade de Humanidades da Universidade Sophia, da cidade de Tóquio (Japão) que, acompanhado de duas alunas, uma de Mestrado e outra de Doutoramento, visitou diversos lugares do concelho.

A visita começou no centro histórico de Sernancelhe, onde visitaram o Museu Paroquial Padre Cândido e a Igreja Matriz de Sernancelhe, onde foi batizado o Padre João Rodrigues. De seguida, visitaram a Biblioteca Municipal, mais concretamente a seção bibliográfica dedicada ao missionário jesuíta, e rumaram à escola sede do Agrupamento de Escolas Padre João Rodrigues. Mesmo ao lado, visitaram o monumento e ele dedicado e também o Pavilhão Desportivo Municipal Padre João Rodrigues.

A visita terminou no Santuário da Lapa, um dos santuários marianos mais importantes da península ibérica, mandado construir pelos padres jesuítas em finais do século XVI.

Fonte: CMS

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.