Livro dedicado ao papa Francisco será apresentado em Sernancelhe

0
399
Auditório Municipal de Sernancelhe (Foto: Turismo Porto e Norte)

Fernando Paulo do Carmo Baptista vai apresentar, no dia 15 de junho, pelas 16:00 horas, no Auditório Municipal de Sernancelhe, a obra “A Sinfonia Universal do Amor Fraterno no Trajecto Ascensional da Humanização do Mundo”, dedicada ao Papa Francisco.

Aura Miguel, Jornalista da Rádio Renascença e vaticanista acreditada na Sala de Imprensa da Santa Sé, é convidada para a cerimónia de lançamento do livro, que contará ainda com as intervenções do Oliveira Cruz, Presidente da Associação Piaget Internacional e das Edições Piaget, e Diamantino Duarte, Pároco de Moimenta da Beira, Doutorado em Teologia Pastoral na Pontifícia Universidade Lateranense de Roma.

“A Sinfonia Universal” é uma obra sobre religião e moral e catolicismo. No entanto, Fernando Paulo Baptista classifica-o como um “tributo lusíada” a Sua Santidade, evidenciando-se uma “carta de louvor”, onde o autor refere o trabalho do Papa Francisco na humanização do Mundo e reconhece que o Santo Padre espalha “pelo Mundo inteiro as rosas do Afecto” e solta “as pombas da Paz, da Concórdia e da Esperança”.

“A Sinfonia Universal do Amor Fraterno” conheceu um dos primeiros momentos públicos em 7 de abril, no Auditório do Museu Paulo VI, de Braga, aquando da celebração do 5.º aniversário da Eleição de Sua Santidade o Papa Francisco, tendo motivado várias intervenções de personalidades da sociedade portuguesa.

Fernando Paulo do Carmo Baptista é natural de Viseu. Formou-se em Filologia Clássica pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Jubilado depois de mais de 40 anos de exercício de funções públicas na docência e na orientação e inspeções pedagógicas, é, desde 1998, professor e investigador do Instituto Piaget (Campus Universitário de Viseu), onde, além da organização de congressos, coordena as atividades do Centro de Investigação em Língua Portuguesa (CILP), designadamente, a investigação direcionada para a elaboração de dicionários e manuais especializados, a serem editados pelo Instituto Piaget. Tem vários estudos e ensaios publicados nas áreas da língua e da literatura portuguesas, da linguística, da semiótica, da pedagogia e da didática.

Desde o ano 2008 é cidadão honorário de Sernancelhe, distinguido com a Medalha Municipal de Mérito em cerimónia comemorativa do 25 de abril. Contudo, o início da sua relação com o Concelho teve origem em 1999, quando o País despertava para o problema da autodeterminação de Timor-Leste. Na altura docente do Instituto Piaget, de Viseu, Fernando Paulo encetou uma campanha nacional pela liberdade daquele povo e promoveu nestas terras aquilinianas uma marcha da paz e da amizade, que culminaria com a visita de Xanana Gusmão a Sernancelhe, em 2004.

A par deste dinamismo solidário, Fernando Paulo Baptista promoveu uma carreira pedagógica notável e uma produção literária assinalável, sempre ao redor da língua portuguesa, com destaque para o título “Nesta Nossa Doce Língua de Camões e Aquilino”, apresentado também no Auditório Municipal de Sernancelhe.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.