Livro Vidas Singulares foi apresentado na Igreja da Senhora da Oliva

0
558

Teve lugar esta tarde de domingo, na Igreja do Convento de Nossa Senhora da Oliva, no Tojal, concelho de Sátão, o lançamento do livro Vidas Singulares, de Ana Albuquerque, obra que se sagrou a vencedora do prémio literário Cónego Albano Martins de Sousa de 2018 na modalidade de prosa.

Instituído pela Câmara Municipal de Sátão, o prémio literário cónego Albano Martins de Sousa, que tem intercalado entre poesia e prosa, tem vindo em crescendo e em 2018 teve mais de cinquenta obras em concurso, tendo a obra Vidas Singulares sido seleccionada, por unanimidade do júri, como vencedora.

Neste domingo, o livro foi apresentado por Carlos Paixão, que antes tinha traçado a história da Igreja do Convento de Nossa Senhora da Oliva. Carlos Paixão deu nota dos aspectos mais relevantes da simbiose entre a autora e os espaços e personagens da obra, em que avulta a figura do cónego Albano e em que fição e realidade caminham enlaçadas.

Paulo Santos, o presidente da câmara, agradeceu à autora e enalteceu o facto de a obra ter sido apresentado no Tojal, num espaço que muito significa para todos e, quiçá, segundo o autarca, este facto possa ser um despertar de consciências para a necessidade de uma requalificação da Igreja, cuja última intervenção remonta a 1968, em que o mecenas, à época, foi a empresa de máquinas de costura Oliva.

De permeio, o teatro municipal de Sátão abrilhantou a apresentação com a excelente dramatização de inúmeros trechos da obra que não deixou, seguramente, indiferentes as muitas pessoas que encheram por completo a Igreja.

A José Pedro Pinto coube deixar um pouco da sua arte musical ao interpretar uma excelente peça, da sua autoria, em guitarra clássica.

A encerrar foi o momento para a autora agradecer a presença de todos e de uma forma emocionada dizer que com a edição deste livro se encerra mais um capítulo da sua vida num local que muito lhe diz, a Igreja da Senhora da Oliva, no Tojal, onde viveu desde criança.

O livro, uma edição da Câmara, que representa o prémio à obra vencedora, tem a chancela das Edições Esgotadas que esteve representada pelas suas responsáveis, Teresa Adão e Ana Oliveira.

[Atualizada às 08:50 de 08.04.2019]

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.