Pagamento de passes da Transdev já pode ser feito no multibanco

0
218

Acompanhando as novas tendências tecnológicas a nível de pagamentos e com o objetivo de facilitar o processo de carregamento de passes e minimizar as filas de espera nos pontos de venda e nos autocarros, a Transdev Portugal desenvolveu uma solução que permite que os passageiros façam o pagamento dos passes através de homebanking ou multibanco.

Após a confirmação da adesão a este método de pagamento, através do preenchimento de um formulário disponível nas bilheiras Transdev, o cliente passa a ter mais liberdade para carregar o passe onde e quando quiser.

Nas palavras de Gil Ferreira, responsável de bilhética da empresa, “a implementação do pagamento por multibanco permite à Transdev aliviar progressivamente os operadores e, ao mesmo tempo, fornecer ao seu cliente mais uma opção de pagamento, disponível 24 horas por dia e 365 dias por ano“.

O recarregamento dos passes pode ser feito para o próprio mês ou para o mês seguinte nos títulos ‘Passe Social’, ‘Bimodal’, ‘Passe Sub_23’ e ‘Passe 4_18’, bem como nos passes da Rede de Transportes Urbanos da Guarda e da Rede de Transportes Urbanos de Castelo Branco, estando disponível em todos os locais em que a Transdev opera, com excepção de Barcelos, Braga, Guimarães e na rede Aveirobus.

Ainda no que respeita ao pagamento e compra de títulos, refira-se que a Transdev Portugal e a PAGAQUI assinaram este mês um acordo de parceria que permitirá aos passageiros daquela operadora fazer o carregamento dos títulos de transporte naqueles agentes.

O projeto piloto iniciou em fevereiro passado com a rede Aveirobus, onde esta opção de pagamento se encontra já em vigor, mas o objetivo é alargar esta possibilidade de carregamento dos passes, cartão valor e pré-comprados a todos os locais em que a Transdev Portugal opera. Por isso mesmo, já estão a ser feitos testes nos distritos em que vigora o sistema de bilhética AMI – Castelo Branco, Coimbra, Aveiro, Viseu, Guarda e Porto.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.