Viseu | Mulher de 50 anos foi constituída arguida por prática de furtos em residências.

0
686

Na sequência de uma investigação por prática de furtos no interior de residências, a Polícia de Segurança Pública de Viseu, através da Esquadra de Investigação Criminal, durante esta semana, identificou e constituiu em arguido uma cidadã de 50 anos de idade, natural de Viseu, por ser a presumível autora dos referidos ilícitos criminais, revelou através de comunicado aquela força de segurança.

“Confrontada com a prova obtida nas diligências investigatórias, a mesma assumiu a autoria dos ilícitos”, refere a PSP, que acrescenta que “das diligências efetuadas resultaram na apreensão de artigos em ouro (fios e pulseiras). Alguns dos artigos já os havia vendido a terceiros, no entanto, foram recuperados”.

O comunicado ainda refere que “os artigos foram entregues aos seus legítimos proprietários, estando ainda em curso outras diligências investigatórias” e que “a arguida não possuía cadastro criminal, ficando em liberdade a aguardar os trâmites processuais”.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.